Vamos massacrar a Polícia ?


Calmem, não se assustem, não estou convocando para nenhum ato desordeiro, muito menos venho fazer apologia ao crime, muito pelo contrário…

Nas últimas semanas, presenciamos cenas de tremenda demagogia desde a reconstituição da cena do crime de Isabela Nardone, a imprensa toda, sem o menor pudor, “estampando” a dor de um pai que por erro policial teve seu filho baleado. Não demorou muito, outros casos parecidos surgiram, assim como o de Isabela Nardone foi copiado por alguns pais por esse Brasil; a polícia matou civil de novo, por erro ou imperícia.

Sempre que se falava de um ato policial que havia falhado, os apresentadores denegriam a imagem dos policiais, o ataque da imprensa, por motivo “desconhecido”, aos policiais foi intenso, lembro-me de uma repórter perguntando ao um PM, se ao abordar um carro de criminoso não poderia atirar nos pneus, vi nos olhos do PM uma vontade de dar um tiro vontade de interrompe-la naquela hora. Todo esse ataque me leva a pensar que a imprensa tem alguma coisa contra a PM, e se tem alguma coisa, o que será ? Será que querem fazer uma “retaliação” para encobrir o ato criminoso do Cabrini ? Será que alguns estão associados aos traficantes ? Será que estão associados a políticos ? É fato que tem maus policiais envolvidos com as indagações citadas acima, e isso a imprensa faz questão de mostrar, mas o corporativismo, não esconde muitas coisas não ? Afinal, bons e maus profissionais existem em todas profissões, um erro de um repórter no ar, não rende nada além de risadas, um erro de um Policial que vive sobre tensão, tem sua vida e de sua família posta em risco, é são “coroas” dos prêmios de traficantes, causa morte.

Não quero defender os maus PMs (que são poucos, podem acreditar), mas partir daí, julgar mal uma Instituição que garante a segurança de uma sociedade, não farei jamais. Para os maus repórteres (jornalista e demais profissionais ligados a imprensa) que ganham bem, vivem em condomínios cheios de luxo, tem toda segurança, cheiram cocaína, usam maconha, alimentam o tráfico que traz problema para polícia; é muito fácil “meter malho” na instituição, eles não dependem de PMs. Para nós trabalhadores honestos (como o pai do menino João Roberto), que vivemos cercados de traficantes, que vocês maus profissionais “alimentam” com suas fortunas no consumo de drogas, não podemos jamais nos levantar contra essa Instituição. Esse pai, só ele e apenas ele, pode questionar um ato ou outro, em meio a sua dor, e com o tempo ele vai aprender a perdoar os afortunados policiais, que ganham misérias para enfrentar traficantes que esbanjam dinheiro. O restante, aqueles que não passaram pela a dor que esse pai passou, não podem em hipótese nenhuma, entrar na “pilha” da imprensa e  rebelar-se contra os policiais. Tá ruim com eles, MUITO PIOR sem eles.

Se amanhã ou depois, os policiais resolverem deixar de trabalhar, vocês acham que algum (mau)repórter, vai largar seu emprego valioso, empunhar uma arma, ganhar um ninharia para te defender ? Vão voltar para seus condomínios de luxos, super protegidos, cheira o “pó-mágico”, fumar o “cachimbo da paz”, e no outro dia, estarão na TV chamando PMs de vagabundos.

É fato, ninguém gosta de ser revistado por 1 PM, mas hoje em dia criminoso veste colarinho branco, pede voto, ou fazem reportagem por ae, como distinguir um ou outro, afinal quem usa droga e alimenta o tráfico para mim, também é bandido, e como um PM pode distinguir ? Já fui revistado por 3 de uma vez só, em frente ao Maracanã, 1 empunhava a arma na minha cabeça, os outros dois abriram minha mochila, carteira, jaqueta, e me liberaram, no final agradeci, pois assim como me revistaram, revistariam bandidos, e tiraria mais 1 meliante da rua. O segredo numa revista, é ser homem de bem, e quem tem medo de revista, tem algo a esconder, Cabrini sabe disso !

Então, caros brasileiros que vivem ralando para ter uma vida boa, não MASSACREM os PMs, eles vivem sobre tensão, traficante chega atirando, como vcs acham que eles tem que responder ? Com os direitos humanos, que beneficia vagabundo que estupra suas filhas, bate nos seus filhos, e invadem suas casas? Cordialmente, “Por favor, senhor traficante, o senhor poderia baixar seu instrumento bélico ?”? Tem que responder a altura, meter bala em bandido mesmo! Quantos aos erros, em toda profissão tem aqueles que erram, e infelizmente quando um PM erra, o resultado não é nada bom.

Aos demais da imprensa que são pessoas de bem, não se ofendam, trabalhei com um grupo de jornalista, e vi muitos profissionais sérios, que sabiam passar as notícias, sem ter que “ficar do lado de alguém”, que não criticavam os PMs quando erravam, então por favor, mais uma vez, não se ofendam.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s